O mercado está aquecido e as empresas, em geral, estão tendo seus melhores meses de faturamento justamente durante a pandemia. Esta é a análise de Eudes Scarpeta, consultor, mentor e fundador do IMP – Instituto de Impressão. Eudes, que também é dono da FlexoShopping, loja online especializada em soluções para Flexografia, destaca que as vendas por meio de aplicativos, bem como o aumento da demanda em segmentos de higiene e cosmético, geraram um fenômeno até então inesperado entre convertedores e gráficas de flexografia, rótulos e etiquetas – isto é, o crescimento exponencial no volume de produção.

“Aquelas empresas do setor que não estão sentindo esse aquecimento certamente devem olhar para seus negócios e analisar o que está havendo de errado”, frisou, durante a LIVE da última quinta-feira, 22 de outubro, com Marcia Romano, diretora da Flexo & Labels 2021.

Bolha

Para ele, é inevitável considerar que o mercado está, de fato, vivendo uma espécie de bolha de crescimento, a qual, em breve, deve estourar. “Estamos falando de algo que deve se manter até dezembro deste ano, segundo análises”, reforçou.

Contudo, o cenário deve se manter positivo em médio prazo. “Após essa bolha passar, acredito que as demandas voltarão os níveis que tínhamos antes da pandemia. Não acredito necessariamente em algo ruim, mas sim que voltaremos aos patamares da normalidade”.

Investimento

Eudes frisou, ainda, que o momento é ideal para que empresários repensem seus modelos de negócios e projetem investimentos pensando nas características do mercado pós-Covid.

Ele citou a Flexo & Labels como uma das iniciativas importantes nesse sentido, uma vez que a demanda representa por investimentos em novas tecnologias deve escoar no ano que vem com a realização de novos negócios. “Tenho certeza de que a feira acontecerá com sucesso. Além de ser um lugar para se atualizar em termos de tecnologia e investimentos, também é a oportunidade de o mercado se encontrar, de trocarmos informações”, disse.